Warning: ob_start() [ref.outcontrol]: output handler 'ob_gzhandler' conflicts with 'zlib output compression' in /home/temsorrisoodontologia/www/wp-content/themes/temsorriso/header.php on line 2
413222-5994

Ortodontia em Curitiba

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Twitter 0 0 Flares ×

ortodontia-1A ortodontia é uma especialidade odontológica que corrige a posição dos dentes e dos ossos maxilares posicionados de forma inadequada na boca. Esse tipo de correção é importante, pois dentes que não se encaixam perfeitamente dificultam a limpeza bucal e podem ser perdidos precocemente devido à deterioração e às doenças periodontais.

Além disso, o mau posicionamento dos dentes causa estresse aos músculos mastigatórios, o que pode ocasionar dores de cabeça, síndrome da ATM e dores na região do pescoço, dos ombros e das costas. Outro inconveniente desse tipo de problema é a estética, que fica prejudicada quando os dentes estão tortos. Por esses motivos, o tratamento ortodôntico torna-se necessário para a saúde e proporciona uma aparência mais agradável.

Abaixo, veja os principais problemas que são resolvidos com tratamentos ortodônticos:

• Sobremordida – Quando os dentes superiores encobrem os dentes inferiores, deixando o sorriso desagradável e ocasionando problemas mastigatórios. Os dentes inferiores podem até mesmo estar tocando o palato e a gengiva do arco superior.

• Mordida cruzada anterior – Percebida quando a arcada inferior está projetada muito à frente ou a arcada superior se posiciona muito atrás.

• Mordida cruzada – Ocorre quando a arcada superior não fica ligeiramente à frente da arcada inferior ao morder.

• Mordida aberta – Quando ocorre um espaço entre as superfícies de mordida dos dentes anteriores e/ou laterais no momento em que os dentes posteriores se encostam.

• Desvio de linha mediana – Acontece quando o centro da arcada superior está desalinhado com o centro da arcada inferior.

• Diastema – Caracterizado por espaços entre os dentes, o que é ocasionado por dentes ausentes ou dentes que não preenchem a boca.

• Apinhamento – Quando existem dentes demais para se acomodarem em uma arcada dentária pequena.

Para ajustar corretamente os dentes ou maxilar na posição correta, os ortodontistas utilizam vários tipos de aparelhos fixos e móveis nos tratamentos:

Aparelhos Fixos

ortodontia-2• Aparelho fixo — Tipo mais comum de aparelho que consiste em bandas, fios e/ou braquetes. As bandas são presas em volta dos dentes e são usadas como âncoras para o aparelho. Já os braquetes são fixados na parte externa do dente. Os fios em forma de arco passam através dos braquetes e são ligados às bandas. Ao apertar o arco os dentes são tracionados e movem-se gradualmente em direção à posição correta.

• Aparelho fixo especial — Usado para controlar o hábito de chupar o dedo ou para solucionar o problema de língua “presa”. É fixado aos dentes por meio de bandas. Devido ao fato de ser desconfortável durante as refeições, deve ser utilizado apenas em casos extremos.

• Mantenedor de espaço fixo — Usado em casos de perda de dente de leite precocemente. Trata-se de um protetor de espaço que é utilizado para manter esse espaço aberto até que o dente permanente nasça.

Aparelhos Móveis

ortodontia-3• Niveladores — São usados como alternativa para os aparelhos convencionais destinados a adultos e funcionam da mesma forma que os aparelhos fixos, mas sem os fios de aço e os braquetes. Os niveladores não são visíveis e são removíveis para que o usuário possa se alimentar, escovar os dentes e passar o fio dental.

• Mantenedores de espaço móveis — Têm a mesma função que os mantenedores fixos, porém são feitos com uma base acrílica que se encaixa sobre a mandíbula e têm braços de plástico ou arame entre os dentes que devem ser mantidos separados.

• Aparelhos reposicionadores de mandíbula — Também conhecidos como talas, podem ser usados no maxilar superior ou mandíbula e ajudam a “treinar” a mandíbula a fechar em uma posição mais favorável. Utilizados para disfunções da articulação temporomandibular (ATM).

• Amortecedores de lábios e bochechas — Destinados a manter os lábios e bochechas afastados dos dentes, já que seus músculos podem exercer pressão sobre os dentes. São espécies de amortecedores que ajudam a aliviar esse tipo de pressão.

• Expansor palatino — Tem o intuito de alargar o arco da mandíbula superior e é uma placa de plástico que se encaixa sobre o céu da boca. A pressão externa aplicada sobre a placa por meio de parafusos força as juntas dos ossos do palato a se abrirem para os lados, alargando a área palatina.

• Contentores móveis — Encaixados no céu da boca, esses aparelhos de contenção previnem que os dentes voltem à posição anterior. Podem também ser modificados e utilizados para evitar que a criança chupe o dedo.

• Aparelho extrabucal — Com esse aparelho, uma faixa é colocada em volta da parte de trás da cabeça e ligada a um elástico na frente ou um arco facial. Esse tipo de aparelho retarda o crescimento da maxila e mantém os dentes posteriores no lugar ao mesmo tempo em que os dentes anteriores são empurrados para trás.

Aparelhos de Porcelana

Os aparelhos fixos de porcelana têm braquetes de porcelana branca e são uma opção mais discreta para pessoas que precisam fazer tratamento ortodôntico, mas se preocupam com a estética.

Alguns cuidados como a não ingestão de alimentos muito pigmentados devem ser tomados para que as peças não sofram mudança de cor e fiquem manchadas.

Se você está procurando uma clínica odontológica em Curitiba capaz de transformar o seu sorriso com o tratamento ortodôntico, entre em conta com a Tem Sorriso e agende uma avaliação. Nossa equipe está preparada para lhe proporcionar um novo sorriso!

Serviços relacionados:


  • Implante Dentário em Curitiba
    IMPLANTE DENTáRIO
  • Tratamento estético
    TRATAMENTO ESTéTICO
  • Clareamento dental em Curitiba
    CLAREAMENTO DENTAL